As Comunidades de Aprendizagem, tema desta tertúlia, não são uma ideia completamente nova, mas têm estado a ressurgir, um pouco por todo o mundo, na última década, como uma proposta educativa contrária a uma escola burocrática e tecnocrática, que visivelmente já não faz sentido para as crianças e os jovens.