A Associação TERRA, Associação de Educação Integral do Minho, abre as inscrições para 2017/2018!

Somos uma Comunidade de Aprendizagem que tem como principal objetivo a dinamização do projecto educativo TERRA para crianças a partir dos 3 anos e crianças em idade escolar (1ºciclo), com respeito pelo ritmo individual de cada um, assente fundamentalmente na educação pela arte e no contacto com a natureza e ar livre, não deixando de lado as tarefas da vida quotidiana nas nossas práticas diárias.

O projeto TERRA, com as crianças do 1º ciclo, organiza o seu trabalho de uma forma individualizada, de acordo com os ritmos de aprendizagem de cada uma. Utilizamos a metodologia de trabalho por projecto e, também, por oficinas temáticas (oficinas de matemática, português, música, dança, inglês, ciências experimentais, artes plásticas, entre outras), promovendo, assim, uma aprendizagem autónoma, responsável e participativa, fortemente valorizadora da curiosidade, criatividade e sentido crítico das crianças, em alternativa a um ensino passivo, transmissivo e fechado.

Em suma, a construção da aprendizagem faz-se segundo linhas pedagógicas que promovem as qualidades que caraterizam cada ser humano. Desta forma, pretende-se que cada criança cresça e se desenvolva em saberes, atitudes e valores, tornando-se adultos responsáveis, solidários, conscientes e autónomos, capazes não só de fazer, mas também de ser.

Procuramos os melhores alimentos para as nossas crianças e, por isso, a nossa alimentação é saudável e, maioritariamente, biológica.

A felicidade de cada criança e o respeito pelo percurso individual das suas aprendizagens são prioridades no nosso dia a dia.

Apostamos na qualidade e, portanto acreditamos que as crianças da TERRA serão seres fortes e preparados para enfrentar o mundo.

Se isto faz sentido para ti e para os teus filhos, então contacta-nos:

info@projectoterra.org.

Podes consultar mais informações aqui: www.projectoterra.org.

A construção de um mundo com mais paz e amor implica oferecermos dias de qualidade aos nossos filhos...já pensaste nisto?